Gerson ressalta sufoco contra Remo, critica defesa do Botafogo, mas rasga elogios a Chay: ‘Fez tudo’

Loja Casual FC
gerson botafogo remo
Foto: Fernando Torres/AGIF

Em seu canal no YouTube, o craque Gerson analisou a vitória do Botafogo sobre o Remo por 1 a 0. De acordo com o Canhotinha, o Alvinegro tinha o jogo nas mãos na primeira etapa e, por isso, sofreu desnecessariamente em Belém. Gerson também rasgou elogios a Chay, segundo o qual, tem feito tudo no time.

— Eu gostei do Botafogo no primeiro tempo. Embora tenha acontecido pouca coisa. Mas um pouco mais tranquilo. Esse Chay está passando dos limites. Ele hoje no primeiro tempo fez tudo. Quase fez gol, deu passe, fez tudo. Tudo certo. O Botafogo dominou amplamente esse primeiro tempo – pontuou.

— Os caras do Remo não perceberam isso, mas o Chay estava jogando no meio-de-campo, como quarto homem, mas normalmente como terceiro homem de frente. Ele sempre pegava a bola dos lados, onde não estavam os jogadores do time do Remo. Por isso ele saía bem. Quando eles perceberam isso, começaram a “entrar” nele. Fizeram umas quatro e cinco faltas seguidas nele. Ele estava muito solto, flutuando.

Ao longo da análise da partida, Gerson criticou a defesa do Botafogo. Para o comentarista, o setor tem deixado a desejar principalmente em bolas aéreas.

— A defesa do Botafogo precisa prestar atenção. E não é de hoje. Principalmente em bolas cruzadas. Quando o ponta pegar a bola e partir a bola e partir pra cima do lateral do Botafogo, alguém tem que fazer a cobertura. Porque se ele for driblado o cara vai na cara do gol.

Craque do jogo

Para Gerson, Rafael Moura também esteve abaixo da crítica. Por outro lado, Warley, do Botafogo, foi escolhido o Craque do Jogo.

— Quem não esteve bem? Rafael Moura. O Warley esteve bem. O Botafogo dominou o primeiro tempo. Pensei: o Botafogo vai ganhar o jogo. Mas aí veio o segundo tempo. Vitor Andrade aos cinco minutos. 20 minutos. Warley chutou e fez uma curva que ninguém esperava. Ela morreu quase no ângulo. 1 a 0 Botafogo.

Baranga do jogo

Se Warley foi o craque do jogo, o volante Oyama foi eleito por Gerson como a baranga da partida. O comentarista lembrou os erros do atleta durante a segunda etapa, que quase comprometeram o resultado.

— Aos 23 começava o sofrimento do Botafogo. Daí pra frente só deu Remo. Aliás, o Botafogo tem que levantar as mãos para o céu, porque era para ter tomado uns três. Oyama entrou pessimamente. Ele joga bem, mas esteve mal. O Chay saiu, o time caiu mais ainda.

Siga-nos no Twitter | Siga-nos no Instagram | Siga-nos no Facebook

Comentários

Sobre Redação 1894 Artigos
Fogo na Rede é um veículo profissional especializado na cobertura do Botafogo: últimas notícias, jogos e muito mais!