Lucas Barros admite dificuldade na transição ao profissional do Botafogo

Loja Casual FC
Lucas Barros Botafogo
Foto: Reprodução

Revelado pelo Botafogo, Lucas Barros chegou aos profissionais do Clube em 2019. Diante de um elenco enxuto do alvinegro, atuou por 14 partidas naquela temporada. Em 2020, o lateral soma dois jogos. No entanto, o físico franzino criou obstáculos ao lateral, que não conseguiu repetir as boas atuações da base e ouviu vaias da torcida.

— Difícil, mas faço das críticas a minha motivação porque sei meu potencial e vou continuar trabalhando forte para dar a volta por cima – disse em entrevista ao “Canal do TF”.

Leia também: Zé Gatinha relembra passagem pelo Botafogo: ‘Poderia ter mais chances’

Conheça a melhor linha retrô do Botafogo e ganhe 10% OFF com cupom FOGONAREDE

Ciente do próprio potencial, Lucas Barros admite que sentiu a transição da base para o profissional.

— Minha maior qualidade, sem dúvida, é o 1 x 1. Sou muito ofensivo. Porém, minha transição para o profissional foi um pouco complicada. Serviu para o meu amadurecimento. Sei que preciso me soltar um pouco mais. Com o tempo, vou conseguir dar o melhor.

Leia mais: Consultoria analisa finanças do Botafogo; veja relatório completo

Nesta temporada, o lateral passou a treinar ao lado do japonês Keisuke Honda, de quem é admirador.

— É um cara que eu via no YouTube, quando não, jogava com ele no Playstation. Nunca imaginei jogar com ele. É um grande prazer.

Lucas Barros Honda Botafogo
Lucas Barros disputa bola com Honda em treino do Botafogo. Foto: Vítor Silva / Botafogo

Siga-nos no Twitter

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Facebook

Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.