Kalou recusou proposta da China para acertar com Botafogo, diz agente

Loja Casual FC
Kalou Botafogo China
Foto: Julian Finney/Getty Images

Antes de acertar com o Botafogo, o marfinense Salomon Kalou recusou proposta da China e dos Estados Unidos. Segundo o empresário Marcos Leite, intermediário da negociação, a oferta asiática era muito acima da alvinegra.

Ele teve proposta da MLS, da China, era algo muito forte financeiramente. Era fora dos padrões nacionais. Não teria como competir. Quando chegou a proposta do Botafogo, ele deixou claro que queria vir para o Brasil. Não houve nenhuma outra proposta do Brasil – garantiu ao ‘Canal Fabiano Bandeira’

Conheça a melhor linha retrô do Botafogo e ganhe 10% OFF com cupom FOGONAREDE

Kalou Botafogo China
Para assinar com o Botafogo, Kalou recusou proposta da China. Foto: Julian Finney/Getty Images

De férias em Ibiza, Salomon Kalou é aguardado no Rio para se apresentar ao Botafogo na próxima semana.

— A previsão da chegada dele é para o final da semana que vem. Vai depender muito da imigração por causa da pandemia – disse.

Salomon Kalou em números

Revelado ASEC Mimosas, da Costa do Marfim, Kalou chegou ao Excelsior, da Holanda, na temporada 2003/2004. Pelo clube holandês, fez 11 jogos e 4 gols, segundo o site “oGol”.

Na temporada seguinte, o marfinense defendeu o Feynoord. Foram 80 jogos, com 42 gols. Em 2006, Kalou assinou com o Chelsea, pelo qual atuou por 254 jogos com 61 gols.

Na temporada de 2012/13, o atacante chegou ao Lille, da França. Durante a passagem, foram 76 jogos e 34 gols.

Pela seleção marfinense, Salomon Kalou tem 99 jogos e 28 gols marcados.

Siga-nos no Twitter | Siga-nos no Instagram | Siga-nos no Facebook

Foto: Julian Finney/Getty Images

Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.