Valentim lamenta gol cedo na derrota do Botafogo para Grêmio

Loja Casual FC
Valentim Grêmio Botafogo
Valentim.Gremio x Botafogo na Arena do Gremio. 27 de Outubro de 2019, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Vitor Silva/Botafogo.rrImagem protegida pela Lei do Direito Autoral Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998.r Botafogo x Goias no Estadio Nilton Santos. 09 de Outubro de 2019, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Foto: Vitor Silva/Botafogo. rImagem protegida pela Lei do Direito Autoral Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. r
Valentim Grêmio Botafogo
Valentim gostou de parte do que viu na goleada sofrida pelo Botafogo para Grêmio. Foto: Vitor Silva/Botafogo

Apático, o Botafogo de Valentim foi goleado pelo Grêmio em Porto Alegre: 3 a 0, com gols de Maicon, Thaciano e Everton Cebolinha. No Brasileiro, esta foi a 15ª derrota do Alvinegro — que no quesito só está atrás de Chapecoense e Avaí.

Logo após a goleada imposta pelo Grêmio ao Botafogo no Sul, Valentim avaliou a partida e tentou justificar o resultado. Confira:

Avaliação da partida

— Primeiro tempo até gostei de algumas coisas. O gol com 11, 12 minutos nós não queríamos. O segundo tempo abaixo do que nós queremos, do que os jogadores podem dar. É recuperá-los até quinta porque tem jogo importante. Precisamos impôr um ritmo forte.

Como você avalia os muitos gols perdidos pelo Botafogo?

— O que era importante hoje era caprichar nessa penúltima e última bola. E hoje nós não conseguimos. É continuar trabalhando para continuar esse quesito de caprichar e transformar em oportunidades de gol para tentar a vitória.

Laterais sofreram muito na partida

— Os jogadores de beirada do Grêmio têm muita qualidade. São jogadores que nós precisávamos ter atenção muito grande. Sabíamos que eles têm esse jogo pela beirada, do individual trazendo por dentro. Nós precisávamos ter diminuído o espaço.

O próximo desafio do Botafogo no Brasileiro é o Cruzeiro, quinta (31), às 21h30, no Estádio Nilton Santos.



Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.