Após vitória do Botafogo, Autuori lembra conhecimento sobre Sampaoli

Loja Casual FC
Botafogo Atlético-MG Autuori
Foto: Vítor Silva / Botafogo

Aplicado taticamente sob o comando de Paulo Autuori, o Botafogo venceu o então líder Atlético-MG por 2 a 1, no Nilton Santos, nesta quarta. Com a primeira vitória no Campeonato Brasileiro, o Alvinegro assumiu a 7ª posição na classificação.

Em entrevista coletiva após a vitória, o técnico Paulo Autuori lembrou o conhecimento que tem sobre o trabalho de Jorge Sampaoli, com quem trabalhou no Santos, na última temporada.

— Vamos sempre tentar fazer coisas diferentes. A gente sabia exatamente como o Sampaoli joga. Trabalhei com ele no Santos. Sabíamos que poderíamos explorar a transição ofensiva, porque haveria muito espaço pelos lados. Fomos eficazes ofensivamente, mas nem tanto defensivamente. No segundo tempo, a ideia era subir o meio-campo, roubar a bola e aproveitar os espaços que o Atlético-MG oferecia.

PUBLICIDADE

Conheça a melhor linha retrô do Botafogo e ganhe 10% OFF com cupom FOGONAREDE

Leia mais: Botafogo não descarta negociar Pedro Raul com Internacional, mas faz exigência

Leia mais trechos da entrevista:

Primeira vitória

— Parabenizar os jogadores. Sabíamos da dificuldade do jogo. Para as coisas acontecerem em termos de ataque, era preciso algumas coisas acontecerem. E aconteceram. Nós temos que ter um olho aqui e outro ali na frente. Não dá para deixar de fazer isso, dado o calendário. Sabemos das nossas limitações, mas vamos ter atitude, trabalhar bastante. Não comer amendoim e arrotar caviar. A situação do Clube exige isso. Agora, a confiança no futebol só existe de uma maneira: ganhando. Fomos eficientes ofensivamente. Mas deveríamos ser mais eficientes nas ações defensivas.

Botafogo Atlético-MG Autuori
Botafogo de Autuori superou o Atlético-MG de Sampaoli. Foto: Vítor Silva / Botafogo

Pequenas vitórias

— Esse jogo trouxe pequenas vitórias. Terminamos o jogo com 5 atletas formados na base. Contra um adversário que investiu R$ 100 milhões. Depois, fazer com que todos os jogadores do grupo se sintam importantes e participativos.

Tática

— Quem ganha os jogos são os jogadores. Nós sabíamos da dificuldade do jogo. Minha preocupação é pensar o grupo como um todo. Vamos pensar nos próximos jogos. Seremos pragmáticos. A confiança só vem com vitória. O resultado foi muito bom. Ganhamos do líder do campeonato, que tem muitos méritos. Mas agora é pensar no jogo contra o Flamengo. O campeonato é difícil para todas as equipes.

Sistema defensivo

— Podíamos ter sido mais eficientes no jogo defensivo. Nas ações ofensivas, cumprimos exatamente o combinado. Sabíamos que haveria muito espaço dos lados. E o lado oposto de onde estivesse a bola seria importante explorar.

Siga-nos no Twitter | Siga-nos no Instagram | Siga-nos no Facebook

Foto: Vítor Silva / Botafogo

Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.