Autuori, do Botafogo, critica retorno do público ao estádio em outubro: ‘Decisão populista’

Loja Casual FC
Coronavírus Paulo Autuori
Foto: Nayra Halm / Fotoarena

Esta semana, a CBF enviou ao Governo Federal um estudo com proposta para retorno do público aos estádios em outubro. A medida, nas mãos do Ministério da Saúde, prevê volta de até 30% da capacidade e apenas para torcida mandante. Em entrevista coletiva nesta quinta, o técnico Paulo Autuori, do Botafogo, criticou a possibilidade do retorno do público.

— Desde que eu me conheço como profissional do futebol tenho ideia muito clara sobre a importância dos verdadeiros protagonistas: jogadores e torcedores. Lógico que queremos a presença da torcida. Agora, daí a já tomar uma posição de retorno, há uma diferença. Não é justo ter o retorno da torcida mandante apenas, por exemplo. Por que esse açodamento? É preciso analisar de maneira abrangente. Se pararmos para ver o que está acontecendo na Inglaterra, as coisas não estão tão tranquilas quanto se imagina. Não é momento de se apressar tomadas de decisão que são populistas. É preciso transcender a discussão. O que está acontecendo quando abre bares, por exemplo?

Leia mais: Carrasco do Vasco, Babi comemora gol e vitória do Botafogo: ‘Fomos felizes’

PUBLICIDADE

Conheça a melhor linha retrô do Botafogo e ganhe 10% OFF com cupom FOGONAREDE

Além da CBF, a Ferj e a Prefeitura do Rio também discutem a possibilidade. Já houve, inclusive, um encontro entre as partes para discutir o tema.

A proposta

Segundo informação do ‘ge’, a proposta da CBF tem duas diretrizes fundamentais.

1) Com estádio liberado para até 30% da capacidade de público. A número 2: sem torcida visitante, apenas com o público do mandante.

2) A proposta que o Ministério da Saúde analisa não trata de data específica, mas a estimativa é em meados de outubro.

Coronavírus Paulo Autuori
Autuori, do Botafogo, é contrário à possibilidade do retorno do público aos estádios em outubro. Foto: Nayra Halm / Fotoarena

Siga-nos no Twitter | Siga-nos no Instagram | Siga-nos no Facebook

Foto: Nayra Halm / Fotoarena

Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.