Barroca minimiza discussão e lamenta derrota para o Corinthians

Loja Casual FC
Botafogo Corinthians Barroca
Barroca.Corinthians x Foto: Vitor Silva/Botafogo
Botafogo Corinthians Barroca
Foto: Vitor Silva/Botafogo

Com uma atuação segura, o Corinthians freou a subida do Botafogo de Barroca no Brasileiro e venceu por 2 a 0, no Itaquerão. Com o resultado, o Glorioso caiu para oitava posição e ainda pode ser ultrapassado por Athletico, Ceará e Bahia na rodada.

Após a derrota do Botafogo na Arena Corinthians, Barroca minimizou a discussão entre Cícero e Gilson em campo e projetou a partida contra a Chapecoense, na próxima segunda (26), no Nilton Santos.

Confira a íntegra da coletiva abaixo:

ANÁLISE DA PARTIDA
Divido o jogo em dois tempos. Primeiro tempo o Corinthians fez um jogo de imposição, tivemos muita dificuldade, apesar de termos um pouco mais de posse de bola, não conseguimos progredir com a nossa posse no ataque. Mesmo com as dificuldades no primeiro tempo, entendo que se a gente fosse para o intervalo com empate, seria melhor. O Corinthians teve mérito, abriu vantagem, aí o jogo muda de característica. Fizemos um bom segundo tempo, coletivamente nos ajustamos melhor, tivemos controle maior do jogo, transformamos o controle em chances de gol, mas não fomos felizes nas conclusões. Precisamos tirar lições desse jogo para levar para o próximo. O Campeonato Brasileiro é muito difícil. Temos que virar a chave porque já temos o jogo contra a Chapecoense.

DISCUSSÃO ENTRE CÍCERO E GILSON
Os jogadores se cobraram numa situação específica. Mas já está tudo resolvido. Eles já conversaram. Coisa de jogo. Precisamos tirar lições coletivas e individuais para levar para o jogo contra a Chapecoense.

DIFICULDADE DE LIGAÇÃO
Hoje o Diego flutuou muito como meia, faltou a gente ocupar espaço que ele estava abrindo. Fez uma boa partida. Buscou o jogo, chamou o jogo. Os meninos (Rhuan e Lucas Campos) entraram muito bem, o jogo pedia um pouco mais de individualidade. Os dois têm isso: individualidade, drible, finta e improviso. Fica essa possibilidade a mais para os próximos jogos.

EXPECTATIVA PARA PARTIDA CONTRA A CHAPECOENSE
Ainda estou com a cabeça no jogo contra o Corinthians. A partir de hoje vamos pensar na Chapecoense para formatar um plano adequado. Jogo importante, dentro de casa, para que a gente consiga nosso objetivo que é a vitória diante da Chapecoense.

O Botafogo enfrenta a Chapecoense na próxima segunda (26), às 20h, no Nilton Santos.

Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.