Gabriel minimiza críticas de Montenegro a elenco do Botafogo: ‘Respeito’

Loja Casual FC
Gabriel Montenegro Botafogo
Gabriel. Botafogo x Goias no Estadio Nilton Santos. 09 de Outubro de 2019, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Foto: Vitor Silva/Botafogo. rImagem protegida pela Lei do Direito Autoral Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998.
Gabriel Montenegro Botafogo
Gabriel minimizou críticas de Montenegro ao elenco do Botafogo. Foto: Vitor Silva/Botafogo.

As críticas de Montenegro ao elenco já chegaram ao Botafogo e o zagueiro Gabriel repercutiu os áudios do ex-mandatário e futuro investidor do clube. Segundo o zagueiro, que marcou pela primeira vez com a camisa do Botafogo na vitória sobre o Goiás, o grupo respeita a opinião de Montenegro, mas não concorda.

Nos áudios, Montenegro diz que não pretende contar com nenhum jogador do elenco para a próxima temporada. Em 2020, o Botafogo pretende separar o futebol do clube social para, então, ser administrado por profissionais e investidores.

Confira a coletiva na íntegra:

Áudios de Montenegro

— Não escutei o áudio, mas já vi o comentário de todo mundo. Respeitamos as opiniões dele. Cada um tem sua opinião, sua ideia. Mas aqui tem um grupo de jogadores profissionais, que se dedicam bastante, correm bastante. O tanto que o João Paulo e o Pimpão correram ontem foi um absurdo. Demos a vida em campo. Tentamos deixar isso de lado e focar nesse momento maravilhoso que tivemos ontem, para dar sequência e continuidade

Críticas de Montenegro a Valencia e Pimpão

— A confiança que o Valencia e o Pimpão têm vai continuar sendo a mesma. Ontem o Leo entrou e ajudou a equipe. O Pimpão correu um absurdo, sentiu cãibra nas duas pernas. A gente tem que valorizar isso, o que foi feito de bom. Essas coisas extracampo tem que deixar de lado. Com toda a dificuldade do clube, ninguém nunca deixou de jogar, de ir a um treino sequer. Prefiro valorizar a vitória e todos os jogadores.

Reunião do elenco antes da partida contra o Goiás

— Tivemos, sim. Antes do almoço, com todos os jogadores, o técnico e a comissão. Ele pediu empenho e dedicação. Foi uma reunião muito tranquila muito sadia.

Expectativa por acerto com Valentim

— Não trabalhei com ele ainda. Mas todos os jogadores falam bem dele, que é bem atualizado, tem vários conceitos muito legais de jogo. Joguei contra ele na Taça Rio, contra o Vasco, e era um time muito bem treinado, com várias jogadas ensaiadas. Se ele realmente vier, vai ser muito bem-vindo.

Duelo com Palmeiras

— Sabemos da dificuldade que é jogar contra o Palmeiras. Em São Paulo é ainda mais difícil. O Palmeiras tem um elenco gigantesco, super qualificado, um treinador experiente, que sabe jogar o jogo. Vamos trabalhar com muita seriedade. Sabemos que é muito difícil, mas somos capazes de chegar lá e conseguir um bom resultado.

Desfalques

— São desfalques que vão fazer falta com certeza. Em vez de lamentar, prefiro dar confiança para os jogadores que vão entrar. Esse voto de confiança eles têm de todos os jogadores e da comissão técnica. Você vê o Yuri, que não estava sendo nem relacionado. Fez um jogo perfeito, nem parecia que era o segundo, terceiro jogo dele. Fez um jogo fantástico.

Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.