Honda analisa função recuada no Botafogo: ‘Caio precisa jogar solto’

Loja Casual FC
Honda recuada Botafogo
Foto: Vítor Silva / Botafogo

O técnico Paulo Autuori tem trabalhado com Keisuke Honda numa linha mais defensiva de campo no Botafogo. O posicionamento na equipe causou estranheza da torcida alvinegra, que esperava ver o astro japonês de 34 anos mais próximo do gol. Em entrevista exclusiva à Botafogo TV, no entanto, Honda falou sobre sua nova função recuada.

— No campo, Caio (Alexandre) e outros jovens jogadores não deveriam pensar muito no jogo coletivo. Pela qualidade e características deles, eles precisam jogar soltos quando pegam a bola. Eu deveria ver a ação deles primeiro. Eu quero ajustar o que é melhor para o time. É por isso que, até agora, estou mais balanceado com o Caio (Alexandre), porque pela qualidade e estilo, ele deveria jogar mais livre. Acho que é a maneira maneira dele jogar. E eu tenho atuado bem com o Caio até agora, mas acredito que podemos melhorar. Eu espero que possamos jogar melhor e seremos melhores que no ano passado.

Leia mais: Direitos de Transmissão: presidente do Fluminense revela parceria com Botafogo

Conheça a melhor linha retrô do Botafogo e ganhe 10% OFF com cupom FOGONAREDE

Honda recuada Botafogo
Honda explicou função mais recuada no Botafogo. Foto: Vítor Silva / Botafogo

Já o técnico Paulo Autuori justifica a opção pelo japonês mais atrás pela qualidade de passe do meia, que qualifica a saída do Botafogo desde o campo de defesa.

— Fisicamente se cuida muito, apesar da idade. Trouxe o Honda um pouco para trás para tentar qualificar a saída, já que é um jogador que erra muito pouco passe. Tem um jogo muito vertical. Está sempre pensando em fazer a bola chegar para frente. Isso é característica dele – disse em entrevista à Rádio Tupi.

Siga-nos no Twitter | Siga-nos no Instagram | Siga-nos no Facebook

Comentários

Sobre Diego Mesquita 1552 Artigos
Botafoguense, 36 anos. Formado em Jornalismo pela FACHA (RJ), trabalhou como assessor de imprensa do Botafogo F.R em 2010. Hoje, é setorista independente.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.